A importância de vitaminas na Gravidez.(Principalmente no primeiro trimestre.)

12/07/2011 00:18

Veja a lista de algumas vitaminas e a importância delas durante a gravidez:

Vitamina A — Importante para o desenvolvimento da visão, do sistema imunológico, expressão genética e na integridade da pele e das mucosas . Está presente em alimentos de origem animal, principalmente em fígado, gema de ovo, leite integral e derivados. Também é encontrada nos vegetais de folhas escuras e nas frutas e hortaliças alaranjadas (como cenoura, abóbora, manga, mamão, entre outras).

Vitamina C — De ação antioxidante, atua na resposta imunológica e estimula a firmeza dos tecidos (colágeno). A deficiência tanto de vitaminas C na gestação parece estar relacionada a um aumento do risco de aborto, descolamento prematuro da placenta e ruptura precoce de membranas. . Pode ser encontrada principalmente nas frutas cítricas (laranja, acerola, morango, goiaba) e nos vegetais folhosos (beterraba, espinafre, couve, repolho).

Vitamina E — Responsável pela defesa das membranas celulares contra os radicais livres. Está presente em óleos, como de milho, de soja, de girassol, de dendê, e também no gérmen de trigo, nas amêndoas e avelãs.

Vitamina D — É importante para o sistema imunológico, na reprodução humana, além de ser fundamental para o crescimento ósseo, na absorção do cálcio, ajudando a fixá-lo nos ossos,. É encontrada em peixes e derivados do leite.

Niacina — Influencia e participa de diversos processos metabólicos do organismo. É encontrada no arroz, em pães integrais, amêndoas, amendoim, flocos de cereais, carnes magras, vísceras, peixes, entre outros alimentos.

Vitaminas do complexo B

Vitamina B1 — Essencial na formação do sistema nervoso e metabolismo de outros nutrientes . É encontrada, principalmente, em grãos integrais, carne de porco, vísceras, amendoim, avelã e castanha-do-pará.

Vitamina B2 — Atua formação de hemácias, na regulação de enzimas tireodianas e tem importante atuação no metabolismo dos carbohidratos. . Presente em laticínios, fígado, rins, ovos, vegetais folhosos, entre outros.

Vitamina B6 — É essencial no metabolismo de aminoácidos (proteínas), carboidratos (açucares, grãos e cereais) e lipídios (gorduras). Também atua no desenvolvimento do sistema nervoso central. Está presente nos cereais integrais, fígado, leveduras, gérmen de trigo, carne de porco e frango. Sua suplementação na gravidez também é eficaz no combate a náuseas e vômitos.

Vitamina B9 (ácido fólico) — É essencial para os processos de divisão celular e síntese protéica, base para a formação dos tecidos, bem como na renovação e na multiplicação das células. A deficiência de ácido fólico pode ocasionar anemia megaloblástica e aumentar o risco de malformações abertas do tubo neural (espinha bífida e anencefalia, entre outros) As fontes mais ricas são fígado, feijões, gérmen de trigo, levedura, vegetais de folhas escuras, gema de ovo, linho, sumo de laranja e pães integrais.

Vitamina B12 — Age no metabolismo de ácidos nucléicos (DNA), na maturação de hemácias, no funcionamento de células do trato gastrointestinal, no sistema nervoso, nos músculos e no metabolismo de carboidratos, álcool e gorduras. São encontradas principalmente nos alimentos de origem animal, incluindo vísceras, carnes, leite e ovos.

Voltar